Home / Ricardo Ribeiro (page 4)

Ricardo Ribeiro

Comecei a cruzar o mundo já tarde, mas num espaço de tempo relativamente curto senti recuperado o atraso. Foram cerca de cinquenta países e muitas experiências, em apenas nove anos, quase todas narradas no blog Papaléguas. Mas esses escritos são apenas um diário de viagens. Senti que tinha mais a contar, que podia ensinar algo. E decidi iniciar um segundo blog. Se o primeiro pode ser definido como “de viagens”, este é “sobre viagens”.

Notícias do Mundo Low Cost

Peço desculpa por algum as destas notícias já serem antigas, mas mais vale tarde do que nunca e pode ser que sejam de proveito para alguém. Vamos lá então… Novas Rotas Wizzair de Lisboa em 2018 A companhia húngara Wizzair, ...

Ler mais... »

Como Tirar o Visto Para…

  Aqui poderá encontrar a informação sobre como obter o visto para viajar. Começando lentamente, procurarei incluir um crescente número de países nesta secção do Cruzamundos. Barbados Os cidadãos portugueses não precisam de visto para visitar os Barbados, podendo permanecer ...

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 66 – Timor Leste

Um dia fabuloso, rumo a Timor Leste, cansativo e desgastante, mas fabuloso, com paisagens naturais imensas e detalhes humanos únicos. Chegada a Timor Leste, que soube como um regresso a casa. Encontrar a minha amiga Katy em Dili foi o máximo!

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 58 – Lombok (Sengigi)

Um dia bem preenchido, que envolveu um passeio à cidade e a seu mercado tradicional, a descoberta de um cemitério chinês, a visita a uma comunidade piscatória muito local, passeios pela praia, o reencontro casual com um companheiro de hostel em Yogyakarta, uma cerveja especial e um pôr-de-sol magnífico.

Ler mais... »

Livros: Indonesia, Etc: Exploring the Improbable Nation

Este livro é fruto de um amor e quando é assim o resultado costuma ser bom. A autora viaja por um país que ama e que conhecer enquanto jornalista por lá colocada. Uma viagem em contacto directo com as comunidades, auxiliada pelo seu domínio da língua e que a leva à Indonésia profunda. Apaixonante!

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 48 – Singapura

Um segundo dia em cheio em Singapura, com uma visita ao Museu de Changi, uma passagem pelo bairro árabe, um grande almoço em Little India, devaneios em Orchard Street e Emerald Hill e uma passagem por Fort Canning.

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 42 – Rangoon

O último dia num dos meus países favoritos e logo na minha cidade mais apreciada, Rangoon, a mágica capital funcional de Myanmar. Fechar com chave de ouro esta passagem pelo país.

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 27 – Colombo

Teoricamente este seria um dia dedicado a Colombo, mas na prática não se alinharam os astros: estava um calor imenso e de qualquer modo a capital do Sri Lanka não é um local assim tão interessante. Ainda fomos dar um ...

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 22 – Kandy

Um grande dia, com uma volta de 10 km a pé nos arredores de Kandy, uma volta para visitar três interessantes templos longe da multidão de turistas, com muito da vida quotidiana rural e um excelente tempo para acompanhar.

Ler mais... »

Locais: Tetebatu

Uma aldeia na Indonésia. Um par de dias entre anfitriões que sabem o que é hospitalidade, arrozais, florestas de macacos, quedas de água. Uma visita ao paraíso em Tetebatu.

Ler mais... »

Livros: Around the World in Eighty Days

O que creio ser a primeira incursão do actor e comediante britânico Michael Palin, num livro que complementa a produção da BBC na qual replica os passos do viajante imaginário Phileas Fogg na sua Volta ao Mundo em 80 Dias.

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 19 – Haputale

Um dia bem passado na região montanhosa do Sri Lanka, que teria sido perfeito se o sol tivesse sorrido. Haputale é muito mais interessante do que Ella. Tenho dito. Eu sei que não é a palavra corrente mas é a minha opinião.

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 18 – Ella

Ella é um local que francamente não gostei mas mesmo assim existiram bons momentos, como a subida a Little Adam Peak e a vista sobre a ponte dos nove arcos. Fora isso, turistas, turistas, turistas, por todo o lado.

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 17 – Tissamaharama, Hambantota

Hambantota foi uma agradável surpresa. Passeio de meio dia a partir de Tissa, mostrou-me um porto de pesca lindo, casas coloniais abandonadas, fortalezas mostradas por militares simpáticos, macacos contemplativos e, em suma, uma cidade simpática sem traço de turistas.

Ler mais... »

Walking Festival Ameixial

O Walking Festival Ameixial é um evento de caminhadas de primeira apanha, com um programa intenso e diversificado, uma organização de grande qualidade e que promete momentos de divertimento e convívio.

Ler mais... »

Ásia 2017 – Dia 12 – De Muscat, Omã ao Sri Lanka

  Um dia sem história, uma pausa nas canseiras de viagem. Acordar calmamente em casa do Majeed. Tomar um pequeno-almoço com os restos dos abastecimentos. Internet. Duche. Repouso. Uma soneca. Estou preocupado com um abcesso que surgiu, subitamente, na véspera, ...

Ler mais... »

Livros: Oman: Under Arabian Skies

Um testemunho pessoal de alguém que se apaixonou pelo Omã e que ali viveu os melhores anos da sua vida, entre trabalho e expedições ao deserto, estabelecendo laços de amizade profundos

Ler mais... »

Locais: Počitelj

Hoje vou falar-vos de uma aldeia especial: Počitelj. Fica na Herzegovina, relativamente perto de Mostar e é muito justamente considerada Património Mundial da Humanidade pela UNESCO. Não é fácil lá chegar sem um carro. Sim, existem autocarros mas recolher informação ...

Ler mais... »

Momentos: Caminhada em Tetebatu

Um dia mágico, de caminhada em Tetebatu (Indonésia) por entre arrozais, aldeias e florestas habitadas por macacos, coroada por uma aventura rumo a uma cascata secreta.

Ler mais... »

Pessoas do Mundo: Senhor Jerónimo

O senhor Jerónimo administra a roça Monte Forte e recebe os hóspedes com um leque de estórias sem fim, sobre os tempos dos portugueses, sobre a jovem nação e sobre a sua intensa vida. Uma personagem a ouvir durante horas a fio.

Ler mais... »

Momentos: Futebol Indonésio

Um final de serão inesperado no primeiro dia na Indonésia: sentado no chão de uma loja com uma mão cheia de velhotes, a ver um importante jogo de futebol nacional.

Ler mais... »