Home / Livros / Livros: At the Tomb of the Inflatable Pig – Travels Through Paraguay

Livros: At the Tomb of the Inflatable Pig – Travels Through Paraguay

O Parag413436uai é uma nação perdida, encravada num canto do mundo onde nada há que chame a atenção. Não tem petróleo nem uma posição geoestratégica. E não é comum encontrarem-se livros sobre este país. John Gimlette contudo fê-lo. Escreveu acerca do Paraguai e colocou nas suas linhas um amor de filho adoptivo.

Tecnicamente é uma crónica de viagens, mas na realidade trata-se de um livro mais complexo, que entrecruza anais de uma história violenta e suada com as deslocações que o autor vai fazendo pelas terras desoladoras deste país com um passado tão negro. E John não olha a dificuldades. Onde haja algo de significativo para a compreensão do “seu” Paraguai, ele vai. Conhece as pessoas mais incríveis, dorme em buracos imundos, alimenta-se de “petiscos” capazes de dar a volta ao estômago de um morto. Mas, acima de tudo, escreve bem. É uma prosa divertida, que consegue transmitir de forma suave os elementos que habitualmente se encontram apenas em secos compêndios de história: a sucessão de ditadores, as crueldades que promoveram e as guerras que despoletaram. Depois há as estórias das comunidades que fizeram o Paraguai de hoje. Australianos, alemães, ingleses, japoneses, coreanos. John parte por ai, à procura destas aldeias onde os habitantes vivem ainda agarrados a tradições que deixaram para trás há várias gerações. Encontra-os, conversa com eles. E dá-nos notícia do que aprende.

Como livro de viagens tradicional, At the Tomb of the Inflatable Pig é algo estéril. O leitor não encontrará nas suas páginas descrições ao estilo de um guia. Se calhar porque o Paraguai é mesmo assim, desprovido de interesse turístico. Mas seja como for, depois de ler este volume fica-se com uma compreensão abrangente sobre o país. Nada como começar pelas bases, e nesse aspecto John não se faz rogado, dá-nos todas as ferramentas de que poderemos necessitar para entender o Paraguai de hoje através do que foi o Paraguai de antes.

Tinha adquirido este livro há mais de um ano, quando vagamente preparava uma travessia integral da América Latina que não aconteceu ainda. Ficou esquecido na prateleira, e nem sei bem porque o escolhi como leitura para este frio Outono. Seja como for, não me arrependo. Um dia, quando visitar o Paraguai, verei as coisas com outros olhos, com aquela compreensão de quem vê para além da superfície. E é para isso que este livro pode ser recomendado: para todos aqueles interessados em atingir um conhecimento relativamente profundo do país partindo das raizes históricas mais profundas, que são permanentemente ligadas ao presente pelo autor. Well done, John.

 

About Ricardo Ribeiro

Comecei a cruzar o mundo já tarde, mas num espaço de tempo relativamente curto senti recuperado o atraso. Foram cerca de cinquenta países e muitas experiências, em apenas nove anos, quase todas narradas no blog Papaléguas. Mas esses escritos são apenas um diário de viagens. Senti que tinha mais a contar, que podia ensinar algo. E decidi iniciar um segundo blog. Se o primeiro pode ser definido como “de viagens”, este é “sobre viagens”.

Veja também...

Livros: Elephant Complex: Travels in Sri Lanka

Um livro de viagens no Sri Lanka, muito focado na Guerra Civil e nas consequências e marcas que deixou. Um pouco decepcionante para quem procura matéria para ajudar a preparar uma expedição ao Sri Lanka.

Livros: Around the World in Eighty Days

O que creio ser a primeira incursão do actor e comediante britânico Michael Palin, num livro que complementa a produção da BBC na qual replica os passos do viajante imaginário Phileas Fogg na sua Volta ao Mundo em 80 Dias.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *